5 DICAS PARA SEU DINHEIRO DURAR PARA SEMPRE

Reading time: 11 minutes

This image has an empty alt attribute; its file name is youtube-2.png
Assista esta matéria no YouTube clicando aqui!https://youtu.be/_1KazjJFoko

Você saiu do Brasil, conseguiu um emprego legal, se estabeleceu no novo país e agora atingiu os seus objetivos e está pronto para se aposentar. Mas e agora, o que fazer?

Vamos ser 100% honestos aqui.

Muito poucos de nós vão ganhar na mega sena ou conseguir uma fonte de renda onde fiquemos milionários durante a parte produtiva da nossa vida.

Então temos que economizar cada centavo que der e planejar cuidadosamente a nossa aposentadoria. Se não fizermos isto, independente de onde estejamos, a coisa vai ficar feia para o nosso lado durante a velhice.

Na minha juventude, eu consegui fazer tudo do jeito que não se deve fazer.

– Tive filha aos 18 anos;
– Nunca economizei um centavo, pois ou não tinha ou queria comprar algo material para mim,
– Exagerava nas compras de supermercado, não levando em consideração a real condição financeira que eu tinha.
– Fazia empréstimos, entrava no cheque especial, boletos e cartões de crédito.
– Casei três vezes e separei duas, onde perdi o pouco de patrimônio que eu tinha.

Para falar a verdade, eu só comecei a juntar dinheiro aos 45 anos de idade, depois de já moar 5 anos aqui em Dubai e ganhando um salário com o qual eu só poderia sonhar no Brasil.

O problema é que quando cheguei aqui em Dubai, eu tinha aproximadamente uma dívida de 300mil Reais no Brasil.

Esta dívida não era só minha, mas incluía a casa onde minhas filhas moravam, um apartamento em Uberlândia, uma dívida imensa da casa dos meus pais, onde o Banco queria tomar a propriedade e tantos outros problemas pequenos que não paravam de sugar o dinheiro da minha conta bancária.

Em cima disto, veio o fato de a gente ter chegado apenas com algumas malas aqui em Dubai, e tivemos que mobiliar uma casa de 5 quartos que a empresa tinha nos disponibilizado. E haja dinheiro para se gastar no Ikea e companhia.

Sendo assim, o dinheiro saia mais rápido do que entrava e tinha meses, onde um verdadeiro malabarismo financeiro era feito, já que aqui não existe cheque especial. A única solução era financiar saldos de cartão de crédito e pegar empréstimos no banco. A vantagem que os juros cobrados pelo banco eram de 5% ao ano, enquanto no Brasil eram de 4% ao mês, ou seja, 10 vezes mais.

Desta maneira aos poucos conseguimos sanar as nossas dívidas e passávamos aperto somente nos meses em que viajávamos pelo mundo de férias.

Em 2015 a empresa mudou o contrato de trabalho, fazendo com que agora você podia receber um valor mensal para poder alugar algo por conta própria. Como éramos só Jeane e eu, e os dois gatinhos, decidimos nos mudar para uma casa bem menor em um bairro mais afastado e simples. Agora sim, o estilo de vida que tínhamos, se encaixava na nossa realidade e passamos a economizar dinheiro.

Hoje em dia, economizamos 25% do meu salário todo mês e isto virou a prioridade numero um no pagamento das contas. Somente depois de retirados estes 25%, começamos fazer as contas para ver o que podemos comprar.

Com isto não temos mais dívidas e tudo é comprado à vista ou no cartão de crédito onde um controle muito severo é aplicado para que não extrapolemos um limite pré-determinado.

O motivo da gente usar o Cartão de Crédito e não de débito, é que o cartão de crédito nos dá um Cash Back, ou seja, nos devolve um certo valor em dinheiro, de 2% de tudo que gastamos.

Seria como se em todo estabelecimento a gente tivesse um desconto automático de 2%

Outra coisa que aprendemos, foi de esperar promoções, como Black Friday, ou o início do Ramadan, ou um tal de Dubai Shopping Festival, temporadas onde produtos chegam a 60% de desconto.

É uma coisa muito difícil de se fazer, principalmente aqui em Dubai, uma cidade orientada ao consumo.

Mas porque estou contando toda esta história para você?

Na verdade, é para mostrar como fazer para juntar dinheiro durante a sua vida produtiva para que possa usufruir os benefícios disto durante a sua aposentadoria.

Então agora que você já entendeu de como juntar dinheiro vamos ver as 5 coisas que vão fazer o seu dinheiro render.

Seja um PATREON, patrocinador do canal e participe de lives exclusivas. Você também terá direito ao acesso à COMUNIDADE CIDADÃO DO MUNDO onde serviços como cursos de idiomas são oferecidos com descontos incríveis. CLIQUE AQUI para se inscrever.

1 – Guardar 25% de tudo que ganha

Como já mencionei na minha história de vida, o importante é você pagar a você antes de mais nada.

O que quero dizer com isto, separe o dinheiro que vai guardar todo mês, antes de pagar qualquer conta.

E se depois disto você não conseguir pagar as suas contas, é sinal que você está vivendo um estilo de vida que não te pertence e que chegou a hora de reavaliar a sua condição financeira e estilo de vida.

Do mesmo jeito que nós fizemos ao sair de uma casa de 5 quartos para uma de 2. Mesmo a empresa pagando aluguel, água e luz e manutenção, ainda gastávamos horrores em mobiliar e limpeza. Existiam quartos naquela casa que foram mobiliados e nunca usados. Ao sairmos da casa acabamos vendendo muita coisa a preço de banana já que a mobília não ia caber na nova moradia.

2 – Aplicar este dinheiro de maneira segura e que te renda mais do que 5% ao ano.

Aprenda a investir o seu dinheiro.

Colocar o seu dinheiro em baixo do colchão, na poupança ou em bancos normais, dificilmente vai te trazer um rendimento maior do que a inflação, e aos poucos esta vilã vai roubando o seu dinheiro.

Portanto é muito importante você aprender a aplicar o seu dinheiro no mercado de ações e deixar ele lá rendendo até um dia você se aposentar.

3 – Analisar o seu estilo de vida atual e futuro.

Eu contei para vocês, que desde que eu era jovem, sempre vivi uma realidade ou estilo de vida que não me pertencia. Com isto eu acabava gastando mais do que deveria e não conseguia guardar dinheiro. Toda vez que eu conseguia aumentar a minha renda, automaticamente eu aumentava as minhas despesas. E isto, é o que o mundo capitalista e consumidor quer, quando nos bombardeiam com propagandas toda vez que ligamos a TV, celular, rádio o saímos e passamos por um outdoor. Você tem que entender que vai ter que resistir a estas tentações. Por um tempo terá que liquidar as suas dívidas para depois passar a economizar os 25% do seu salário e dai sim, comprar tudo a vista dentro das suas possibilidades.

Sendo assim, se o seu estilo de vida não te permite economizar, chegou a hora de reavliar e se rebaixar de nível até ver onde que você se encaixa.

O mesmo princípio tem que ser aplicado ao país onde você vai se aposentar. Este país tem que ter um custo de vida compatível com o dinheiro que você vai juntar durante a sua vida produtiva para que você não gaste todo seu dinheiro antes de morrer.

Um exemplo disto seria a nossa vida. Moramos e trabalhamos em Dubai, mas jamais teremos condições financeiras de nos aposentar por aqui. Mesmo que a gente tenha o visto para morar aqui, será impossível economizar o bastante para que a gente possa manter o nosso estilo de vida atual no futuro.

A solução par nós será achar um outro lugar para viver. Preferencialmente gostaríamos de viver na Alemanha ou Estados Unidos, mas existe a restrição de conseguir o visto de residência. A próxima opção seria a gente se mudar para Portugal e se nada mais der certo, teremos que voltar ao Brasil.

A minha mãe está enfrentando este problema exatamente neste instante.

Ela vendeu a casa que meu pai construiu quando era vivo e com isto conseguiu um bom dinheiro. Decidiu não comprar outra propriedade, mas sim alugar um apartamento bem menor.

O sonho dela é de voltar para Alemanha, mas para isto ela precisa considerar o seguinte:
– Qual a renda que ela vai ter
– Quanto vale o dinheiro que ela recebeu da casa
– Qual o custo de vida do país

Hoje ela recebe no Brasil a pensão do meu pai e a aposentadoria dela. Da Alemanha ela recebe uma pensão básica que ajuda bem nas contas do Brasil. Mais o dinheiro da casa que ela aplicou e que gera uma renda extra.

4 – Escolher o país onde você quer ou pode morar.

Com isto chegamos ao quarto ponto da nossa lista, que seria a escolha do país no qual você vai se aposentar.

A minha mãe, para continuar citando-a como exemplo, agora terá que analisar a situação financeira dela.

Como ela recebe parte em Euros e gasta em Reais, a vantagem cambial ajuda bem nesta hora. Sendo assim, minha mãe não tem uma vida de luxo, mas nada falta para ela e ela pode viajar para a Alemanha sempre que quiser até se dando o luxo de voar de classe executiva.

Se ela voltar para a Alemanha a situação se inverte. Como a maior parte da renda dela é gerada em Reais e o patrimônio aplicado é em Reais, ao transformar este dinheiro para Euros, a perda é gigante. Ela teria que viver em uma quitinete ou estúdio em um bairro mais simples e iria sofrer para pagar as suas contas todo mês. Seria necessário retirar fundos do dinheiro investido todo mês para conseguir pagar as contas. Viagens seriam impossíveis, a não ser que eu ou a minha irmã as financie.

Portanto agora cabe a ela decidir, se vai viver uma vida boa no Brasil, país que ela não ama ou volta para a pátria dela e passar a viver uma vida muito apertada.

5 – Viver dentro das suas possibilidades financeiras e planejar uma vida longa e saudável

Com isto chegamos ao último ponto, que é: com que idade você vai morrer?

Nenhum de nós sabe ao certo quando a senhora morte vai bater na nossa porta.

Portanto temos que trabalhar com as estatísticas e expectativas de vida de cada país ou estilo de vida que vivemos.

O meu chute é que eu viva até uns 85 anos de idade. Se eu aplicar este chute à realidade da minha mãe, ela teria mais 2 anos para viver e poderia gastar o dinheiro dela em alto estilo na Alemanha. Porém a irmão dela, minha tia, acabou de fazer 92 anos e está mais saudável do que eu. Se eu jogar esta idade na planilha de gastos da minha mãe, o dinheiro dela vai acabar antes.

Portanto eu diria que é importante você planejar uma vida mais longa do que o esperado e fazer com que ainda tenha dinheiro na sua conta quando você morrer em vez de passar necessidades financeiras e perrengues numa idade que não terá mais como trabalhar.

Então me conta nos comentários qual é o seu projeto financeiro e como você sonha que a sua aposentadoria seja.

O meu plano e o meu conhecimento estão reunidos no meu curso, CIDADÃO DO MUNDO que é vendido pela HOTMART, tem um módulo exclusivo que vai te dar todas as dicas de como prepara a sua vida financeira dentro ou fora do Brasil. Por um preço muito pequeno, você vai adquirir todo o conhecimento que levei uma vida para juntar.

Não perca esta oportunidade de mudar a sua vida para melhor.

Se quiser dar só uma olhada no conteúdo e aprender as primeiras 5 dicas para mudar a sua vida, baixe o e-book gratuito cujo link está na descrição logo abaixo deste vídeo.

Sendo assim, chegamos ao fim deste vídeo.

Acredito que tenha gostado do conteúdo, então para me ajudar, deixa um like, não te custa mais do que um click, se inscreva no canal porque tem muito conteúdo de qualidade e interessante vindo por ai.

Toda terça feira as 19 horas tem vídeo novo no canal.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *